Como fazer um roadmap de transformação digital? 
BLOG
Inovação

Como fazer um roadmap de transformação digital? 

14 de julho de 2021

Como fazer um roadmap de transformação digital? 

 

Fazer um roadmap de transformação digital passou a ser algo amplamente discutido e posto em prática em empresas de todos os segmentos. A necessidade de tornar os negócios mais dinâmicos é urgente, mas deve levar em conta principalmente as demandas do público consumidor.

Há, ainda, uma grande dificuldade em entender como se dá a construção de um roadmap de digitalização. Na verdade, grande parte das companhias imagina que para tornar seus negócios digitais, bastam algumas atitudes isoladas ou simplesmente agregar uma plataforma tecnológica ao que é vigente. 

Porém, a estruturação é muito mais complexa do que isso e passa por diversas etapas, onde o foco no cliente é o principal aspecto a ser levado em conta.

O que é um roadmap de transformação digital?

Em poucas palavras, a transformação digital é o uso da tecnologia para converter processos analógicos em computacionais. Com isso, há ganhos de inteligência informacional e eficiência, além de tomadas de decisões mais ágeis e acertadas.

O intuito é impulsionar o negócio, tornando tudo dinâmico e mensurável. Há ainda o constante desejo de melhorar custos, performance e gerir melhor riscos e ameaças.

Fazer essa “virada de chave” não é tão simples quanto à modernidade faz parecer. Afinal, digitalizar todos os dados pré-existentes não é um desafio fácil, e de forma alguma é algo superficial.

Engana-se quem acredita que a digitalização é exclusiva ao departamento de TI e se caracteriza por um projeto meramente técnico. Obviamente, a área estará integrada em todas as suas fases, mas tanto a decisão, quanto o desenvolvimento e aplicação são, sobretudo, estratégicas.

Tornar-se digital indica uma total mudança de mentalidade, que envolve mudanças no escopo dos colaboradores e altera a forma de gestão.

O roadmap, então, nada mais é do que o plano de ação que irá direcionar toda a transição. 

É um documento importantíssimo, que descreve os objetivos de curto, médio e longo prazo da empresa e, consequentemente, quais serão as atividades digitais necessárias para os alcançar. 

Dentre elas, a busca pelas melhores soluções tecnológicas para gerar aproximação e suprir as necessidades dos clientes, tornando a empresa mais relevante em seu próprio nicho.

Quais são os passos básicos para iniciar um roadmap de digitalização?

Alguns pontos devem ser levados em conta na construção de um roadmap de sucesso. São eles:

 

  • Entender como e onde a companhia se posiciona

 

Antes de colocar o projeto em ação, é importante compreender e documentar como a empresa está atualmente posicionada no mercado.

Tanto nas áreas de gestão de pessoas, habilidades e cultura empresarial, quanto de inovação e desenvolvimento tecnológico propriamente dito. 

A partir dessa análise, os gestores poderão mensurar de forma mais realista quais serão as maiores dificuldades e oportunidades que enfrentarão ao ingressar plenamente no meio digital.

 

  • Validar o modelo de negócios ou repensar

 

A digitalização é a perfeita oportunidade para expandir os horizontes de uma companhia. Afinal, ela confere flexibilidade e traz inúmeras alternativas de abordagem com o público. 

Sendo assim, cabe aos executivos avaliar se devem manter o modelo de negócios vigente ou se precisam alterá-lo, de maneira que atenda aos objetivos propostos no planejamento.

Exemplificando, algumas possibilidades são: aumentar o mix de produtos e serviços, tornar-se exclusivamente digital ou mesmo criar uma nova vertente, que atenda de forma totalmente personalizada dentro do novo formato.

 

  • Faça uso das ferramentas digitais no processo

 

Para experienciar a verdadeira mudança, é inevitável contar com ferramentas tecnológicas que darão suporte ao novo formato. 

Sobretudo na questão de inteligência do negócio, contar com um bom sistema de gestão, que centralizará e integrará todas as partes e trará insights e relatórios construtivos é imprescindível.

O uso de Inteligência Artificial e soluções analíticas não é mais algo futurístico, presente somente nas grandes instituições. Até mesmo as pequenas e médias empresas podem se beneficiar da automatização para organizar e otimizar a produção como um todo.

 

  • Capacite os colaboradores

 

Na ânsia por viabilizar a transformação digital, muitas organizações esquecem de quem estará diariamente em contato com os dispositivos e sofrerá o maior impacto com a modificação.

De nada adianta investir na conversão, se os funcionários não estiverem aptos a tratar os dados corretamente. Logo, é fundamental investir em treinamento, além da comunicação interna para conscientização dos benefícios pretendidos.

A transparência e o envolvimento devem fazer parte da digitalização, que é uma ótima oportunidade de melhorar a Exployee Experience.

 

  • Pense sempre nos clientes

 

Mais do que tudo, é obrigatório avaliar a experiência do consumidor com a sua marca. As preferências e exigências das pessoas estarão no centro de tudo e deverão ser não só consideradas, mas também atendidas.

A ideia é oferecer a melhor experimentação, e para isso uma empresa precisa fazer uma análise completa de seu público para simplificar ao máximo a jornada de compra, tornar a interação proveitosa e, é claro, gerar fidelização.

Sem os clientes, não existe futuro para uma companhia. Portanto, o roadmap de transformação digital deve levar esses pontos em consideração nos mínimos detalhes, atendendo de forma precisa e adaptando o que for preciso.

A principal ferramenta para ajudar no processo de digitalização

Sem dúvidas, o sistema de gestão empresarial ajustado à sua necessidade irá ajudar, e muito, na transição digital.

Com ele, você poderá acompanhar de perto e claramente como está o andamento do seu roadmap, traçando os melhores ajustes de acordo com a realidade que enfrentam.

Ele ajuda a documentar e viabilizar todos os processos, criando rotinas efetivas e ágeis para todos. A integração e a otimização de recursos são inegáveis quando um ERP começa a operar, o que facilita definitivamente a rotina.

Dessa forma, cabe contratar uma empresa competente, que possa entregar a mais moderna e competente fórmula para atingir seus resultados. 

A Cast group  opera com a líder mundial SAP há mais de 30 anos, oferecendo o SAP Business One para a gestão de PMEs e o SAP S/4Hana, no caso das companhias de grande porte. 

Ambos podem ser implementados na nuvem – o que garante experiência ainda mais completa, com acesso rápido a todas as informações em qualquer hora ou local.

Ao mesmo tempo, nós também disponibilizamos serviço de consultoria estratégica, que ajuda a implementar as melhores escolhas para um roadmap de transformação digital conveniente e factível, por exemplo. 

Conheça nosso trabalho e tenha a certeza de ter a assessoria da melhor empresa especializada em inovação, tecnologia e gestão.

 



 
Compartilhar

Você também pode gostar:





VER TODOS OS POSTS