Computação em nuvem: 5 razões para investir nessa tecnologia - Cast group
BLOG
Gestão Empresarial Inovação

Computação em nuvem: 5 razões para investir nessa tecnologia

8 de julho de 2019

Provavelmente você já está utilizando a computação em nuvem no seu dia a dia mesmo sem perceber. Disponível através dos serviços online de envio de e-mail ou edição de documentos, dos filmes e listas de músicas disponíveis através de aplicativos ou plataformas que são acessíveis pela internet, a nuvem tem se tornado cada vez mais difundida na vida das pessoas.

A computação em nuvem permite inovar de uma forma mais rápida e com recursos flexíveis para a empresa, oferecendo também uma economia de escala a partir do momento que o pagamento é feito conforme o uso. Isto acarreta em mais eficiência operacional e velocidade de operação, permitindo mudanças rápidas do negócio.

Continue acompanhando a nossa publicação e confira as 5 razões para investir na computação em nuvem!

A computação em nuvem e por que investir nesta tecnologia

A computação em nuvem ganhou bastante espaço nas empresas e não ficou restrito somente ao setor da TI. Diversos setores estão percebendo os benefícios de realizar este investimento, principalmente pela sua flexibilidade de implantação e pela facilidade de incorporação nos mais diferentes cenários empresariais.

Existem alguns tipos de computação em nuvem e nem todos são iguais, fazendo com que não haja um tipo ideal para todos os cenários. Com a evolução da tecnologia, cada cenário deve ser avaliado e dependendo do modelo de negócio pode existir uma solução certa que atenda as necessidades. Alguns tipos de nuvens são:

  • A nuvem pública pertence diretamente a um provedor de serviços de nuvem e é administrada por ele, que fornece os seus servidores e armazenamento através da internet;
  • A nuvem privada já remete aos serviços utilizados por uma única empresa e pode existir dentro dos seus datacenters ou hospedados em um provedor de serviço. São acessados somente via rede privada;
  • A nuvem híbrida combina os dois tipos de computação em nuvem anteriores e permitem a conexão entre os dados e os aplicativos, compartilhando os benefícios de cada uma.

Razão #1 – Baixos custos de implantação e eficiência operacional

A primeira razão para o investimento na computação em nuvem é a redução de custos que ela proporciona, assim como os baixos custos de implantação e a eficiência operacional necessária para impactar positivamente o negócio. As empresas alugam a capacidade de processamento, armazenamento e transferência de dados por um determinado período de utilização, pagando apenas pelos recursos que realmente precisar e utilizar durante este tempo.

Em tempos anteriores, se a empresa necessitasse de algum software específico ou uma aplicação mais robusta, tinha que comprar, configurar e manter os próprios servidores para isso, além de se preocupar com banco de dados e todo o pessoal especializado para esta tarefa. Com a computação em nuvem todo esse trabalho não é mais necessário, uma vez que tudo é configurável e fica disponível no momento que a empresa precisa.

Razão #2 – Alto desempenho e acesso a inovação

Uma grande empresa fornecedora de serviços de computação em nuvem tem muito mais acesso aos mais novos e atuais servidores, com uma rede mundial de conexão segura entre esses servidores. Além disso, o acesso a atualização de forma regular com a mais recente geração de hardware é um dos pontos importantes para fazer do alto desempenho das aplicações mais uma razão para se investir neste tipo de tecnologia.

Para uma pequena empresa por exemplo, comprar um sistema sofisticado geralmente pode ser caro e ficar fora dos planos de investimento da companhia. Com a computação em nuvem, tudo isso fica acessível de uma maneira muito mais rápida e fácil devido a escalabilidade dos serviços.

Razão #3 – Velocidade e escalabilidade das aplicações, produtos e serviços

A infraestrutura da tecnologia alocada a partir da computação em nuvem pode ser escalada de forma fácil e rápida a partir de alguns cliques ou até automatizada para atender a demanda sempre quando necessária. O provisionamento de quantidades de recursos de computação em questão de minutos é também uma das grandes razões para o investimento da tecnologia de computação em nuvem.

Outro ponto importante além da velocidade na escalabilidade dos recursos é a disponibilidade global destes serviços a partir da capacidade de dimensionamento elástico dos serviços e recursos. Isso significa disponibilizar os serviços, produtos e aplicações que estão alocadas nos servidores sempre que necessário e na localidade correta para que o negócio atenda aos seus clientes.

Razão #4 – Segurança da informação

Pode parecer uma contradição pensar que quando se aloca os dados na nuvem, fora dos domínios dos datacenters e servidores da empresa, eles estão melhor armazenados, com a segurança e governança correta. E é isso mesmo, a computação em nuvem consegue proporcionar grandes ganhos com segurança já que a equipe de gestão pode definir estratégias e aplicá-las rapidamente para todos os usuários.

Outro ponto é a infraestrutura de monitoramento da informação, além do atendimento dos mais modernos requisitos legais para manter os dados armazenados de forma segura. Desta forma, o fornecedor de serviços de computação em nuvem consegue identificar e corrigir qualquer tipo de vulnerabilidade de forma rápida e eficaz, proporcionando ótimos indicadores para garantir a segurança digital do serviço e a tranquilidade dos seus clientes.

Razão #5 – Simplificação das rotinas de TI

Os processos antes realizados por todo um time ou setor de TI da empresa como manutenção, troca de peças e processos de backup de dados são agora realizados diretamente pelo provedor de serviços de computação em nuvem. Além disso, também são automatizados para gerar o mínimo de impacto possível e sendo realizados de forma rápida e eficiente.

O esforço pode ser direcionado para outros tipos de atividades que agreguem mais valor ao negócio e desenvolva os seus produtos e serviços. O setor então ganha mais produtividade na sua totalidade, melhorando os indicadores e metas da equipe.

Saiba mais!

O investimento em computação em nuvem já pode ser visto como um fator estratégico para o desenvolvimento do negócio e as empresas estão se beneficiando amplamente deste tipo de adoção. Desde melhorar a criação de novos produtos, aplicações ou serviços e até a trazer mais eficiência no armazenamento de dados, a computação em nuvem demonstra diversos benefícios para quem deseja investir. Continue acompanhando nossos posts para saber mais!



 
Compartilhar

Você também pode gostar:





VER TODOS OS POSTS