O papel do RH nas empresas em crescimento e líderes de mercado
BLOG
Recursos Humanos

O papel do RH nas empresas em crescimento e líderes de mercado

11 de fevereiro de 2020

Toda organização precisa entender que o papel do RH é estratégico para alcançar seus objetivos — principalmente os que dizem respeito ao crescimento do negócio.

Quando se deseja expandir a operação, o negócio necessita de novos profissionais — recrutá-los é uma tarefa importante e que cabe ao RH. Ao mesmo tempo, quem já faz parte da equipe precisa ser desenvolvido para assumir novos desafios.

Qualquer passo para crescer e formar novos líderes demanda a valorização do principal ativo da companhia: as pessoas. E para garantir uma gestão bem feita, a área de Recursos Humanos ganhou mais espaço e importância nas organizações.

Veja como o papel do RH é fundamental para o crescimento das empresas e de que maneira o capital humano se tornou o principal ativo de qualquer negócio!

O capital humano como principal ativo das organizações

As pessoas formam o principal ativo de qualquer empresa. Os processos só ocorrem quando há profissionais capacitados e motivados para entregar os resultados pedidos.

Esse é o cenário que toma conta das organizações em todo o mundo. Por isso, a gestão do capital humano se tornou algo imprescindível.

Líderes e demais gestores trabalham para conduzir esse capital pelo caminho certo, rumo à conquista dos objetivos organizacionais.

No entanto, o conceito de capital humano vai além das pessoas. Fazem parte dele a cultura, os valores, a missão, a filosofia da empresa e outros ativos.

Nesse contexto, o incentivo da organização para que os seus colaboradores participem de cursos, treinamentos e especializações, contribui para aumentar as soft e as hard skills. Consequentemente, torna-se maior o valor que essas pessoas têm para a companhia.

Outro ponto importante é que isso cria um perfil profissional ideal para cumprir os objetivos organizacionais. A partir dele, cabe ao RH atrair novos colaboradores, geri-los e criar ações de retenção para todos.

Se a organização não consegue identificar esse perfil profissional ou a combinação necessária de habilidades e competências, a consequência pode ser drástica e afetar negativamente todo o negócio.

Seguindo esse raciocínio, de nada adianta a empresa investir em tecnologia e na melhoria de processos se não há preocupação com a capacidade do próprio capital humano. Quando há a combinação entre esses fatores, toda a empresa ganha!

O capital humano pode e deve ser aprimorado, gerando resultados cada vez mais positivos para o negócio. Gerir bem esse conjunto de ativos faz com que o papel do RH se torne mais estratégico, o que exige uma mudança profunda nos processos dessa área.

O papel do RH nesse processo

A cada dia, os colaboradores tornam-se mais digitais. Passam bastante tempo em ambientes digitais, como redes sociais, lojas on-line, buscadores, blogs e outros. Estar conectado transformou-se em um hábito global.

Isso revela uma grande oportunidade que não pode ser ignorada pelas empresas: a transformação digital. Tema em ascensão e muito comentado entre os profissionais de RH, possui a capacidade de ajudar esta área a fazer a gestão de pessoas.

A transformação digital é a evolução natural de toda e qualquer organização para atender aos anseios de todos os stakeholders. Significa pensar, usar e integrar tecnologias digitais em todas as áreas da companhia.

Essa mudança ocasiona modificações significativas nos processos, valores, formas de liderar e se relacionar com os clientes e demais profissionais. Por isso, é fundamental saber que a transformação digital impacta também na cultura organizacional.

E o papel do RH nesse processo?

A área de Recursos Humanos tornou-se uma importante peça no mecanismo responsável por impulsionar o crescimento dos negócios. Lembre-se de que ela cuida do principal ativo das empresas: as pessoas.

Por esse motivo, é primordial que as funções operacionais e burocráticas — velhas conhecidas por quem trabalha na área — sejam realizadas de modo mais ágil e preciso. No caso da transformação digital, são assumidas por ferramentas e sistemas.

Mas o que acontece com os colaboradores responsáveis por elas?

Esses profissionais passam a desempenhar papéis mais alinhados com as estratégias da corporação. São desenvolvidos para que sejam analíticos — tomando decisões a partir dos dados gerados pelas novas ferramentas.

Quando o papel do RH é o de líder do processo de transformação digital, alcança a agilidade necessária para atrair e reter talentos, além de desenvolvê-los para que estejam preparados para os desafios da organização.

Sendo assim, o RH deve estabelecer objetivos, envolver as pessoas em seus processos, avaliar o desempenho constantemente e ter a inovação como sua estratégia central. São esses os passos que impulsionam a companhia rumo aos seus objetivos.

A oportunidade certa para a empresa crescer

Com o papel do RH focado na transformação digital e no aprimoramento da gestão de pessoas, suas estratégias se tornam essenciais para o crescimento de qualquer organização — mesmo as de pequeno porte.

Estratégias de integração dos colaboradores são fundamentais, tanto quanto atrair talentos capazes de assumir os desafios existentes e os futuros. Devem fazer parte os programas que motivam as equipes a trabalharem mais e melhor.

O papel do RH, como oportunidade para a empresa crescer, deve abranger esforços para a qualificação dos colaboradores. Defina o que deseja para implementar treinamentos, ações de desenvolvimento humano — abrangendo habilidades e competências.

Outro ponto importante é que a comunicação precisa ser otimizada, inclusive a interpessoal. Mesmo dispondo de recursos tecnológicos para tal, deve ser incentivada a comunicação entre as pessoas.

Para crescer com eficiência e sustentabilidade, não se pode esquecer de mensurar e avaliar os resultados. Estabeleça padrões de avaliação para que todos os gestores consigam direcionar suas equipes para os resultados desejados.

Quando o RH utiliza a tecnologia ao seu favor, ele alcança as estratégias compartilhadas neste artigo e adquire o potencial para qualificar ainda mais as lideranças e formar novos líderes.

Um bom sistema de gestão promove a integração dos colaboradores e maximiza os investimentos feitos em transformação digital. Ele identifica perdas financeiras e operacionais, além de apontar possíveis riscos.

O ideal é que essa solução venha em um pacote completo e integrado para empresas de todos os portes, setores e regiões, englobando desde as transações básicas de RH até o gerenciamento completo dos seus talentos.

Conte com quem tem o conhecimento e a experiência que são necessários para transformar o seu RH em uma área estratégica, capaz de colaborar ativamente com o crescimento dos negócios. Conheça as soluções da Cast group!



 
Compartilhar

Você também pode gostar:





VER TODOS OS POSTS