9 sinais de que seu setor financeiro está defasado
BLOG
Fiscal

9 sinais de que seu setor financeiro está defasado

4 de fevereiro de 2020

Será que o seu setor financeiro está defasado? Com as grandes transformações causadas pela evolução da tecnologia, é comum vermos organizações que ainda estão presas a processos antiquados – enquanto outras empresas conseguem obter saltos de desempenho com a adoção de soluções digitais.

Nos últimos anos, tornou-se possível automatizar um grande número de atividades e processos volumes maiores de dados. Para o setor financeiro, isso representa vários benefícios: simplificação das rotinas, redução de custos, melhoria da qualidade das informações e uma contribuição ainda maior na tomada de decisão.

Porém, isso tudo requer atualização constante. E o primeiro passo para colocar isso em prática é reconhecer quando o seu setor financeiro está defasado.

Indicativos de que o seu setor financeiro está defasado

1. Você está usando soluções alternativas

Um setor financeiro funciona com base em um fluxo de processos desenhado para que as operações fluam conforme o necessário, certo? Porém, é comum que sejam adotadas soluções alternativas que fogem desse planejamento traçado.

Ou seja, os funcionários geralmente planejam soluções alternativas para fazer com que o software faça o que não era inicialmente planejado. E antes que você perceba, você está criando soluções alternativas para soluções alternativas. Isso causa ineficiências e desperdiça tempo. Seu sistema deveria ser capaz de gerenciar todas as suas necessidades com facilidade.

Se você precisar usar várias planilhas e bancos de dados para gerenciar as funções que seu sistema principal não suporta, é um forte sinal de que seu setor financeiro está defasado.

2. Você está usando demais o Excel

O Excel foi uma ferramenta muito útil durante vários anos. Na verdade, a migração das informações que eram armazenadas em papel para um sistema capaz de organizar e processar dados promoveu um salto de desempenho dentro do setor financeiro. Porém, é preciso reconhecer que atualmente existem soluções mais eficientes.

Criar, atualizar e gerar relatórios no Excel requer uma quantidade significativa de trabalho manual. Além disso, as planilhas do Excel são extremamente limitadas quando se trata de controle de colaboração e versão. Tais planilhas manuais geralmente são recriadas às cegas todos os meses, em vez de produzir o relatório automaticamente.

O Excel não é um sistema de gestão financeira, mas sim um programa de planilhas que pode ser extremamente útil para realizar análises em conjuntos de números. Ou seja, o Excel ainda pode ser útil em algumas situações, mas você não pode confiar nele todas as operações do setor financeiro.

3. Você tem ineficiências de fluxo de caixa

O controle do fluxo de caixa é uma das principais rotinas executadas pelo departamento financeiro. Portanto, problemas no fluxo de caixa pode ser um grande indicativo de que o seu setor financeiro está defasado.

Um sistema desatualizado pode diminuir o fluxo de caixa, levando a ineficiências e menor lucratividade. Por outro lado, soluções digitais mais completas garantem a atualização em tempo real – com informações precisas para toda a equipe.

Seu software de gestão financeira deve facilitar o gerenciamento e a previsão do fluxo de caixa, com recursos como painéis simples e fáceis de usar com informações em tempo real e visibilidade do fluxo de caixa por projeto e em toda a empresa.

4. Você precisa alternar entre várias ferramentas

Alternar entre ferramentas desperdiça seu tempo e abre margem para erros. Além disso, quando seus números estão armazenados em lugares diferentes, é difícil compreendê-los. Se isso é uma realidade na sua empresa, significa que o seu setor financeiro está defasado.

Em vez de explorar vários softwares diferentes, você precisa de uma única plataforma que concentre todas as informações financeiras da organização. Dessa forma, sua equipe pode trabalhar sem interrupções. Isso resulta em finanças sempre atualizadas, precisas e prontamente disponíveis.

5. Seu software possui automações limitadas

Tarefas repetitivas e manuais afastam a equipe financeira do que realmente importa: gerar informações úteis para orientar a tomada de decisão e expandir seus negócios.

Se você estiver concluindo manualmente tarefas que poderiam ser automatizadas, significa que você está perdendo seu tempo. Por outro lado, a automação garante que seus dados estejam corretos e acessíveis.

E as possibilidades de automação são cada vez maiores. Quanto mais processos você puder automatizar, mais tempo sua equipe terá para dedicar a outras rotinas. O ideal é encontrar uma solução digital que consiga suprir todas as necessidades do seu setor financeiro.

6. Você não pode se integrar a outros aplicativos

Uma organização é composta de diversos setores que precisam se integrar para alcançar bons resultados em conjunto. Isso quer dizer que a integração entre todas as atividades é essencial para um desempenho satisfatório.

O setor financeiro precisa conseguir integrar todos esses dados para gerar informações úteis. Afinal, todos os departamentos lidam com saídas e entradas de recursos financeiros. E a melhor forma de colocar isso em prática é com a integração entre aplicativos – garantindo que a troca de informações flua com mais facilidade.

7. Você não pode se conectar à nuvem

Os sistemas de software como serviço (SaaS) estão em ascensão. Isso ocorre porque existem vários benefícios financeiros e para o fluxo de trabalho.

E a tecnologia de armazenamento na nuvem é essencial para colocar isso em prática. O uso de um sistema hospedado na nuvem oferece acesso em tempo real às informações financeiras e contábeis. Isso significa que os membros da equipe podem colaborar remotamente e trabalhar onde quer que estejam.

8. Seu software não está sendo atualizado regularmente

Se o seu fornecedor de software não costuma atualizar a ferramenta, é um bom sinal de que ele parou de colocar recursos no programa. E esse também é um grande indicativo de que o seu setor financeiro está defasado.

As atualizações de software são importantes porque geralmente incluem correções de segurança e podem incluir recursos novos e aprimorados – melhorando também sua compatibilidade com diferentes dispositivos.

9. Você não tem uma imagem clara da sua empresa

Por fim, você deseja um sistema financeiro que lhe dê uma imagem completa da sua empresa, certo? Se você sente falta de uma peça do quebra-cabeça, é muito provável que o seu setor financeiro está defasado.

Precisamos considerar que são as finanças que movimentam as atividades de uma empresa e são responsáveis por mantê-la em funcionamento. Portanto, uma visão geral sobre toda a organização é um dos pontos principais para o departamento financeiro. E é essencial encontrar a ferramenta ideal para colocar isso em prática.

Você já conhecia esses sinais de que seu setor financeiro está defasado? O SOFICOM é uma solução digital que pode ajudá-lo a automatizar e gerenciar os processos financeiros, fiscais, tributários e contábeis. Visite a nossa página e conheça todas as funcionalidades do SOFICOM.



 
Compartilhar

Você também pode gostar:





VER TODOS OS POSTS